Walsall 2019-20 Season Review com Rob Harvey e Robert Dearn

cupom com desconto - o melhor site de cupom de desconto cupomcomdesconto.com.br


Walsall 2019-20 Season Review com Rob Harvey e Robert Dearn 1Gabriel Sutton conversou com Rob Harvey (@TheRobHarvey_) e Robert Dearn, do excelente Vital Walsall (@VitalWalsall) sobre a campanha dos Saddlers 2019-20 e suas perspectivas de quando o futebol voltará.

Gab: Tem sido praticamente um catálogo de erros em Walsall desde que Dean Smith foi embora, escusado será dizer que Darrell Clarke herdou um trabalho substancial de reconstrução. Após alguns meses difíceis, você acha que ele está começando a lidar com isso?

RH: Eu acho que Darrell Clarke (ou deveria ser tido agora?) Finalmente encontrou seu XI mais forte. Demorou um pouco para ele manter um XI inicial praticamente estabelecido, mas nos últimos jogos que jogamos parecia ter uma formação e um modo de jogar adequados aos jogadores que temos. Dada a reconstrução que ocorreu no verão, não estou muito surpreso com o lugar em que nos encontramos na mesa, mas espero que na próxima temporada possamos continuar.

RD: Por onde começar com isso. Houve algumas decisões realmente importantes que o proprietário anterior errou desde que Dean Smith foi embora. A nomeação de Darrell foi feita pelo novo proprietário Leigh Pomlett, e eu fiquei, e ainda estou, encantado com a nomeação. É sabido que ele teve a maior rotatividade de jogadores e de treinadores. A primeira metade da temporada (até agora) foi praticamente uma tentativa e erro. Olhando para trás agora, ele estava tentando encontrar fórmulas, parcerias e estilos que funcionassem contra equipes diferentes. Não foi agradável, estávamos perto da zona de rebaixamento e, como fãs nós estávamos em pânico. Mas então começou a clicar. A segunda metade da temporada foi brilhante, sim, houve resultados frustrantes, mas Clarke encontrou uma equipe mais equilibrada, com estilo estabelecido e, como ele disse, ele tem parcerias em desenvolvimento em todo o campo. É a primeira vez em alguns anos que temos um motivo real para nos sentirmos otimistas. O próprio Clarke admitirá que ainda há muito o que fazer. Mas ele transformou a equipe de um nível baixo de confiança, e indo a lugar algum além de baixo, para um ambiente positivo onde os jogadores estão felizes por estar e crescendo lá também.

Uma das principais coisas sobre Clarke como gerente, que vimos no Bristol Rovers, é que ele precisa de um núcleo de jogadores que compartilhem sua mentalidade motivada, que possa liderar o time e em quem ele sabe que pode confiar. Em Liam Roberts, Dan Scarr, James Clarke e Liam Kinsella, ele tem esse núcleo no lugar?

RH: Eu diria que sim. Em termos de mentalidade, os jogadores que você listou definitivamente refletem Darrell Clarke até onde eu sei, e Clarke e Scarr definitivamente parecem o tipo de pessoa que pode se encarregar das coisas. Clarke é o capitão, de modo que fala por si mesmo em termos de ser alguém que 100% comprou da filosofia de Clarke e que pode confiar no que ele pede ao gerente.

RD: Como eu disse antes, a equipe estava se preparando para começar. Sinto agora que há um núcleo definido na equipe que ele possui. Na defesa, Scarr, Sadler e Clarke são os três que ele escolhe, e tudo o que sinto são líderes e jogadores vocais do time quando jogam. Houve um jogo (não me lembro com quem jogamos) em que Sadler e Clarke foram feridos ou suspensos, e você realmente viu Scarr crescer como líder nessa defesa.

No meio do parque, é difícil dizer quem é classificado como ator principal. Kinsella está definitivamente lá, e jogou em praticamente todas as posições naquele meio-campo, o que mostra como Clarke valoriza sua influência no campo. Sinclair entrou e saiu da equipe com uma lesão, e a aptidão de Guthrie é questionável. No entanto, ambos são líderes quando estão ligados. No topo, Gordon lidera com sua taxa de trabalho e corrida. Ele não desiste, e você precisa de um atacante que não desista de levantar um time às vezes. Eu realmente gosto de Roberts no gol, mas ainda não o vejo como líder. Sua forma voltou à pista na segunda metade da temporada, depois de uma grande queda na confiança dos últimos dois anos difíceis. Por isso, sinto que, apesar de ele ser um personagem regular e ator principal, ele pode não ser visto por Darrell como um ‘líder’ como tal.

Além dos líderes, você também precisa de uma pitada de qualidade e Wes McDonald parece ter realmente prestado esse respeito desde novembro. Você acha que o fim do contrato inicial de curto prazo, que foi prorrogado posteriormente para 2021, o motivou a melhorar seu jogo?

RH: Eu não acho que a questão do contrato tenha sido necessariamente uma razão para o desempenho melhorado, porque isso teria sido algo em sua mente desde o início da temporada. Suspeito que o motivo de sua execução mais consistente seja a questão de algumas cliques, como entender como seus colegas de equipe operam depois de passar um tempo com eles, entender o que Darrell Clarke está pedindo que ele faça especificamente e ter uma boa forma física ( ele sofreu uma lesão no passado, daí o contrato de curto prazo que ele recebeu), o que significa que ele foi capaz de confiar em seu próprio corpo para fazer o que ele estava fazendo.

RD: Sim e não. Eu acho que qualquer jogador que queira uma extensão de contrato tentará provar seu valor. Mas acho que a principal razão pela qual sua forma melhorou foi muito relacionada ao tempo do jogo. É fácil esquecer a pouca experiência de jogo que Wes teve antes desta temporada. Ele acumulou quase 30 jogos no campeonato nesta temporada. Antes disso, ele tinha 9 participações fora da liga e 9 participações na Liga 2, isso é tudo. Eu acho que, com Wes, ele sempre teve talento lá, mas finalmente ter uma série de jogos na liga o viu crescer. O contrato de curto prazo ocorreu inicialmente devido às preocupações com a adequação de Wes. Ele começou no clube com uma lesão, e acredito que Darrell queria ver como ele se desenvolveu, especialmente com tão pouca experiência de jogo. Ele se formou em um momento muito bom, com o contrato chegando ao fim. No entanto, havia sinais de que ambas as partes queriam que ele ficasse antes mesmo de sua forma empolgante. No geral, acho que sua forma foi devido a uma corrida prolongada na equipe. Também acho que ajudou o time a começar a jogar bem juntos, qualquer ponta complicada jogará melhor quando seu zagueiro estiver sólido e os atacantes estiverem nos lugares certos.

Leia Também  A Copa América deve ser cortada para salvar as eliminatórias da Copa do Mundo de 2022?

Cameron Norman está contratado até 2021, enquanto o contrato de Shay Facey se esgotará neste verão … se Clarke usará as laterais na próxima temporada, você espera que Norman seja a primeira escolha à direita?

RH: Pessoalmente, acredito que Clarke prefere Shay Facey a Cameron Norman. De qualquer forma, os dois jogadores mencionados podem jogar como laterais e ficarei feliz em vê-los no clube na próxima temporada. Ambos sofreram lesões em algum momento desta temporada, por isso será interessante ver o que a DC faz no verão em relação a um ou a ambos.

RD: Essa é uma pergunta muito difícil. Gosto dos dois e sinto que os dois jogadores têm qualidades diferentes. Norman é interessante. Ele tem pouca experiência na liga e, como Wes, acho que todos esquecemos isso com bastante frequência. Ele jogou a menos de 100 jogos fora da liga antes de se mudar para Oxford, e depois jogou apenas 12 vezes em todas as composições após a troca. Desde que chegou até nós, ele encontrou uma corrida sólida na equipe, difícil de encontrar. No entanto, desde o ano novo, ele parece um jogador muito melhorado. Ele parecia muito melhor na defensiva, embora, às vezes, posicionalmente ele possa se perder, mas no futuro ele ofereceu muito mais. Um jogo que se destacou foi Salford fora. Ele se mudou para jogar pela lateral esquerda, quando Callum Cockerill-Mollett teve que se machucar e Norman se destacou. Eu realmente espero vê-lo como a primeira escolha do lateral direito, porque eu realmente gosto dele.

Agora no Facey. Primeiro, espero mesmo que Shay fique. Eu acho que ele é um zagueiro de ataque muito bom, que se liga bem aos jogadores à sua frente. Defensivamente, ele tem dias bons e ruins, mas se ele fosse consistente na parte de trás também, ele estaria jogando nas ligas mais altas, então é realmente esperado. No entanto, ele é um jogador muito propenso a lesões e passou muito tempo com pancadas nesta temporada, e eu pude ver que isso é um problema daqui para frente. O clube quer um incentivo à promoção na próxima temporada e precisará de uma equipe que dê a Clarke uma dor de cabeça na seleção porque está em forma, e não porque ele tem um esquadrão esfarrapado para escolher. No geral, é uma posição em que acho que estamos acertados com os dois jogadores que temos, e seria bom manter um núcleo real de uma equipe onde pudermos.

Cameron Pring retorna ao clube de pais Bristol City neste verão. Zak Jules e Callum Cockerill-Mollett podem ser capazes de trocar de turno como lateral esquerdo ou lateral esquerdo em um zagueiro-três, mas o clube deve procurar outro jogador do lado esquerdo que possa operar mais adiante?

RH: Bristol City avalia Pring muito bem, então não acho que haja chance de recuperá-lo na próxima temporada. Portanto, em resposta à sua pergunta, sim. Jules e Cockerill-Mollett estão bem como zagueiros ou zagueiros, mas se Clarke decidir operar com zagueiros, ele pode precisar encontrar uma ala especializada para se encaixar. Quanto mais adiante, nossos alas fora e fora minuto são Wes McDonald e Jack Nolan, que assinamos com a Reading em janeiro, então talvez outro lá em cima possa ser uma opção.

RD: Sim, acho que precisamos de um lateral-esquerdo. Callum Cockerill-Mollett mostrou uma promessa real nesta temporada, mas tem sido muito propenso a lesões para nós. Ele precisará de alguém para competir com ele, pois ele não está pronto para ser a nossa primeira escolha deixada para trás.

Zak Jules é um pouco desconhecido. Ele teve alguns bons jogos à esquerda. Mas ele não apareceu muito na segunda metade da temporada. Ele apareceu principalmente quando outras pessoas estão feridas. Foi uma temporada de altos e baixos reais para Jules. Ele teve alguns jogos muito sólidos para nós, depois foi pego em jogos contra o Darlington no primeiro tempo e, em seguida, foi sacrificado contra o Northampton quando as coisas não estavam bem. No fórum de fãs, Darrell Clarke revelou que havia sido deixado de fora da equipe por causa de suas estatísticas de treinamento e pelo fato de estar constantemente na base delas. Desde então, ele melhorou, e como eu disse, apareceu ao preencher. Não tenho certeza se ele ficará conosco por mais tempo ou se seguirá em frente. Mas mesmo que ele fique, acho que precisamos de um bom, sólido, defensor do lado esquerdo.

Rory Holden também retornará à cidade … você procurará um extremo direito com qualidades semelhantes?

RH: Curiosamente, Holden esteve no seu melhor desempenho em uma espécie de papel número 10, e não na ala. Eu também não acho que ele seja um extremo. Quando tocou na ala no início da temporada, ele recebeu um pouco de atenção de nossos fãs porque parecia leve e não estava realmente tendo muito impacto, mas desde que se mudou para o centro, ele tem sido uma revelação. Minha esperança é que não precisamos substituí-lo, pois o Bristol City permite que ele fique conosco por pelo menos mais 6 meses.

cupom com desconto - o melhor site de cupom de desconto cupomcomdesconto.com.br

RD: Se já houve a história de um jogador que teve uma temporada de duas partes, é Rory Holden. Ele começou realmente olhando profundamente, perdeu algumas chances de ouro em momentos importantes para nós e era um elo muito fraco. Os fãs começaram a ficar de costas e foi uma pena para ele. Ele também estava sendo jogado fora de posição, o que não ajudou. No entanto, mais recentemente, ele desempenhou seu papel central mais natural e parecia um novo ator. Ele parecia bem na bola, pode escolher um passe e finalmente encontrou a súmula. Ele também mudou a opinião dos fãs. No fórum de fãs, Clarke sugeriu que ele poderia estar interessado em ver se Holden poderia ser assinado permanentemente. Muitos fãs gostariam de vê-lo assinado, pois ele mostrou seu verdadeiro potencial quando desempenhou seu papel natural. Contratamos o jovem Jack Nolan em janeiro, que é o extremo direito. Ele fez algumas aparições secundárias e mostrou que tem promessas. Acho que ele teria apresentado mais se a temporada fosse disputada normalmente. Mas precisamos de um ala direito para jogar à frente de Nolan. Mais com as qualidades de Wes McDonalds, em vez de Holden.

Leia Também  Mantenha-se disciplinado - RossTraining.com

Danny Guthrie parece o seu meio-campista mais culto – e você conquistou 26 pontos nos 17 jogos da liga que ele iniciou, forma que o colocaria em nono se estendido por uma temporada inteira. Você tem muita confiança em um homem de 33 anos para criatividade nessa área?

RH: Suponho que você possa ver dessa maneira, sim. Dito isto, com o surgimento de Alfie Bates nesta temporada, a carga não cairá apenas para Guthrie avançando. O problema com Guthrie é que ele sofreu lesões (como na maior parte de sua carreira), mas você não pode negar a qualidade dele.

Eu diria que ele é o melhor meio-campista da Liga Dois quando está em forma, facilmente. Quando ele está no seu melhor, ninguém chega perto dele em termos de criatividade, entrega de bolas e visão, é como se ele estivesse um passo à frente às vezes. Espero que o mantenhamos na próxima temporada e também dê mais tempo ao Alfie Bates.

RD: Agora há uma pergunta difícil de responder. Essa estatística certamente parece mostrar que somos excessivamente dependentes dele. No entanto, como uma equipe inteira, na segunda metade da temporada, melhoramos bastante. Mas também na segunda metade da temporada, Guthrie também sofreu menos lesões e, posteriormente, iniciou mais jogos. Então é se Guthrie é a razão pela qual o time jogou melhor, ou não?

O que posso dizer é que ele é uma classe acima da bola. Sua calma, visão e capacidade de passar a bola são inigualáveis, e ele pode ser um dos jogadores mais experientes da liga com a quantidade de jogos disputados e o nível também. Eu acho que ele é um jogador de alta qualidade e um bom jogador criativo. No entanto, olhando para as partidas que disputamos com ele começando, não acho que ele seja o motivo de termos jogado melhor. Sim, ele é um fator que contribui, no entanto, acho que existem muitas outras razões. Por exemplo, em Port Vale, nós defendemos tão bem e limitamos sua força de ataque a pouco ou nada.

Alfie Bates não se interessou muito por Dean Keates, mas ele conseguiu nove partidas na última temporada na Liga Dois – empolgado com o seu potencial?

RH: Alfie Bates vai ser um grande jogador. Ele não se interessou muito por Dean Keates por causa da idade e duvido que ele estivesse pronto para uma batalha de rebaixamento da Liga Um aos 17 anos (acho que ele estaria). Quanto ao potencial, ele pode ser um dos melhores jogadores a passar por nossa academia por um tempo.

Compreensivelmente, ele teve algumas apresentações um pouco mais ou menos, depois de tocar com mais frequência do que qualquer um provavelmente esperava, mas ele nunca parecia realmente deslocado.

RD: Alfie Bates é o jogador que mais me empolga em ver o desenvolvimento. Ele é um jovem rapaz muito talentoso e, com Danny Guthrie lá para mentor e guiá-lo, e para transmitir sua experiência, eu realmente posso ver um futuro brilhante para ele. Acho que nos dias de Keates, não era certo fazê-lo. Dar a ele ação na última temporada com a forma como jogávamos seria injusto em 17 anos (que é quantos anos ele tinha na época). Eu também acho que teria sido muito cedo para ele na última temporada. Ele mostrou muitas promessas nesta temporada, ele é tecnicamente muito talentoso e fica preso também. Estou ansioso para vê-lo na próxima temporada e sinto que ele estará apresentando mais.

Mat Sadler, de 35 anos, e Stuart Sinclair, de 32 anos, veem seus acordos já fechados neste verão. Você acha que o clube se contentará em deixá-los a favor de alternativas mais jovens?

RH: Esta pergunta me surpreendeu, para ser honesto, porque eu não sei. Pessoalmente, eu ficaria com os dois. Sadler tem sido muito bom na maioria das vezes, e Sinclair pode ser um jogador decente para voltar e rodar entre os médios que atualmente temos nessa posição (Guthrie, Kinsella, Bates e Sinclair).

RD: Não tenho certeza disso. Clarke gosta de ter um equilíbrio em sua equipe, ele disse o tempo todo que gosta de ter alguns líderes no time, e por isso suponho que ele queira dizer jogadores mais velhos e mais experientes. Mat Sadler não parecia ter 35 anos. Ele mudou para jogar centralmente desde a última vez que esteve aqui, e ele parece um jogador sólido para nós. Ele se destacou como lateral-esquerdo e se manteve bem, o que é um sinal promissor. Eu acho que ele tem mais uma temporada nele, especialmente por causa da maneira como ele foi usado. Ele esteve em todos os jogos do Leasing.com, o que é sensato. Ele tocou durante todo o período festivo, que é a época mais movimentada do ano, então isso mostra que ele ainda pode tocar regularmente. Ele deveria ter descansado, mas teve que enfrentar Salford devido a uma lesão de Cockerill-Molletts, e entrou como substituto no intervalo ao tentar impedir um retorno de Exeter em dezembro também. Ele provou sua boa forma e acho que ele merece mais uma temporada. Tudo o que foi dito, Sadler pode decidir encerrar o expediente, especialmente se a retomada do futebol for muito adiada.

Stuart Sinclair vai ficar, sem dúvida, e se ele não o fizer, ficarei muito chateado. Observando-o tocar, você esquece que ele tem 32 anos. Ele me lembra Adam Chambers, ele cobre muito terreno e realmente fica às vezes ele é uma força motriz, e o meio-campo três com Kinsella e Guthrie é algo para se animar. Ele também marcou alguns gols para nós e sua taxa de trabalho não passa despercebida pelos fãs. Então, eu não o vejo saindo.

Leia Também  4ª rodada do Fantasy MLS Captain Rankings

Elijah Adebayo marcou oito gols no campeonato nesta temporada, o dobro de Caolan Lavery – e, no entanto, pode-se argumentar que foi o último quem formou o par de golos mais eficiente com o artilheiro Josh Gordon. Por que você acha que é isso?

RH: Na verdade, eu não percebi esse fato até que você me contou. Isso é loucura de pensar. Nas últimas 2 ou 3 semanas da temporada, Adebayo começou a jogar como um jogador de futebol que sabia o que estava fazendo e parecia ter um bom relacionamento com Josh Gordon. Penso que Lavery poderia ser classificado como o profissional mais estabelecido que ele saberia jogar com diferentes jogadores, enquanto Adebayo é bastante novo. Entre os três, apesar de termos uma força de ataque bastante decente para a próxima temporada, se mantivermos todos eles.

RD: Eu escrevi um artigo antes do futebol terminar sobre os gols marcados, e eu não podia acreditar em quantos Lavery haviam marcado no campeonato. Adebayo realmente parecia um atacante de qualidade nos últimos dois meses. Demorou um pouco para resolver e realmente ser eficaz, mas recentemente ele começou a parecer o pacote completo. Acho que a parceria Lavery / Gordon tem sido a melhor e comprovada parceria até agora nesta temporada. No entanto, depois de mais alguns jogos como ele joga, Adebayo entrará nessa.

Josh Gordon deu uma entrevista um tempo atrás, onde ele disse que seu jogo é parecido com o de Lavery, e ambos sabiam onde o outro estaria ou sabiam o que iriam fazer. Observando-os jogar, ambos são jogadores rápidos, que defenderão de frente. Ambos marcam muitos gols de caçadores furtivos também, e têm movimentos semelhantes.

Então, acho que a razão pela qual a parceria é tão eficaz é porque eles pensam o mesmo. Lavery tem 4 assistências e gols na liga, mas em todas as competições ele tem 10 gols e 7 assistências. Não sei por que o número de gols dele é tão baixo na liga, mas certamente o vejo como um jogador importante no futuro.

A academia de Walsall produziu muito talento com Smith. É importante que o clube volte ao desenvolvimento positivo da juventude? Alguma criança com quem você está particularmente animado?

RH: Esta é provavelmente uma área em que eu caio, pois não vejo grande parte da equipe de juniores. Dito isto, as duas perspectivas mais empolgantes que temos no momento parecem ser Joe Willis e Sam Perry, que jogaram pela primeira vez na temporada nesta temporada.

RD: Temos muitos jogadores que os fãs de Saddlers estão ansiosos para ver no futuro. Em primeiro lugar, a academia parece estar de pé novamente. Miguel Llera é o gerente da academia desde o último verão, e o time vem jogando bem nos jogos que disputou. Foi bom voltar a ser um clube que produz seus próprios jogadores, pois realmente tivemos uma lacuna em que os produtos para jovens nos últimos 2-3 anos não foram bons o suficiente para jogar. Existem algumas perspectivas em que estamos entusiasmados. Obviamente, Alfie Bates é um que todos vimos nesta temporada, ele é realmente um jogador que acho que continuará jogando em um nível muito mais alto.

Também existem alguns jovens que entrarão mais cedo ou mais tarde. Sam Perry fez sua estréia contra o Portsmouth no Leasing.com Trophy e teve um jogo ofuscante. Então ele é um dos que estamos querendo ver mais. No entanto, ele sofreu uma batida, o que significa que ele não voltou a aparecer, no entanto, ele é altamente considerado.

Há também Joe Willis, que esteve no banco de reservas algumas vezes. Willis também é meio-campista, mas fez apenas uma substituição. Finalmente, há Luke Pearce.

Luke é um atacante de 15 anos que treina com o primeiro time. Ele é muito conceituado no clube, e Darrell nos disse que estaria na equipe contra Stevenage. Mas o jogo foi cancelado com um campo cheio de água. Ele pode não aparecer muito devido à sua idade, mas Clarke não é o tipo de técnico que deve incluir um jogador apenas por alguma experiência. Ele claramente viu algo que acha que Pearce pode oferecer à equipe. Clarke disse que jogou bem nas reservas e é um finalizador natural que absorve bem as informações. Então ele é um dos que espero ver tendo um grande futuro.

Como você reflete sobre 2019-20 no Walsall em geral? Tecnicamente, é o seu final mais baixo neste milênio, mas imagino que haja alguns sinais de progresso …

RH: Definitivamente. É um pouco inútil o nosso final mais baixo do milênio, mas às vezes você precisa atingir o ponto mais baixo para começar a voltar e acho que finalmente nesta temporada colocamos as últimas temporadas na cama e parecemos poder começar olhando cautelosamente para cima. Literalmente, foi uma temporada de duas partes para nós, a parte de 2019 foi horrível e até nos preocupou com outro rebaixamento em alguns momentos, mas a parte de 2020 até agora nos deu algum tipo de otimismo e esperança para o futuro.

RD: Sim, obrigado por esta estatística, realmente me animou. Realmente não parece que é nosso acabamento mais baixo. Não parece tão ruim quanto na temporada passada, onde o clube como um todo estava em uma ladeira abaixo. Temos um presidente fantástico em Leigh Pomlett, ele é a mistura perfeita de fã e empresário, perfeito para o que precisamos.

Também temos um gerente comprovado em Darrell Clarke. O lado de jogo das coisas era muito instável, mas nossa forma recente mostrou que estamos subindo e dá esperança para o futuro. Fora do campo, temos muitas melhorias nos estádios, e o conselho também está tentando lançar lentamente idéias para melhorar as jornadas. Então parece um renascimento menor.

Os dias de Bonser estão bem e verdadeiramente terminados, e a era de Pomlett está aqui!



cupom com desconto - o melhor site de cupom de desconto cupomcomdesconto.com.br