Principais desenvolvimentos de 1560 | Apenas notícias do mundo

[ad_1]

Bem, muitas coisas acontecendo em 1560 CE. A pesquisa de hoje nos levará a muitos dos impérios daquela época!

Aqui vamos nós:

O rei da Espanha, Filipe II, havia se reunido uma coalizão de potências navais cristãs com o objetivo de retomar Trípoli, na Líbia de hoje, dos otomanos, que o capturaram em 1551. A frota cristã, com cerca de 200 navios, montou-se em Messina (Itália) e viajou por Malta até Trípoli, com mais de 10.000 soldados a bordo. No final de fevereiro de 1560, eles pousaram brevemente perto de Trípoli, mas logo foram forçados pelo mau tempo e falta de água a voltar para a ilha de Djerba, na costa sudeste da atual Tunísia. Eles foram facilmente capazes de invadir esse local e começaram a fortificá-lo …
Gravura do século 19 da Pirâmide dos Crânios, Djerba

Mas uma frota otomana já estava a caminho de Istambul. Ele chegou a Djerba em 11 de maio, efetuando uma surpresa estratégica completa para os defensores cristãos da ilha. o Batalha de Djerba durou apenas algumas horas, resultando em uma vitória otomana impressionante. Cerca de metade das galeras cristãs foram capturadas ou afundadas. As baixas cristãs foram estimadas entre 9.000 e 18.000. Alguns cristãos conseguiram se esconder em seu forte recém-concluído, mas duraram apenas três meses. A English-WP nos diz: “A vitória na Batalha de Djerba representou o ápice da dominação naval otomana no Mediterrâneo, que vinha crescendo desde a vitória na Batalha de Preveza, 22 anos antes. De particular importância foram as perdas incapacitantes da frota espanhola em pessoal experiente: 600 marinheiros qualificados (oficiais) e 2.400 fuzileiros navais foram perdidos, homens que não puderam ser rapidamente substituídos … Os vitoriosos otomanos ergueram uma pirâmide de crânios dos defensores espanhóis derrotados, que permaneceu até o final do século XIX. ” >Leia Mais<

World United News: Vladimir Putin

[ad_1]

Vladimir Putin spoke at the session of the Davos Agenda 2021 online forum organized by the World Economic Forum (WEF).

Mr. Schwab, dear Klaus,

Colleagues,

I have been to Davos many times, attending the events organized by Mr. Schwab, even back in the 1990s. Klaus Schwab just recalled that we met in 1992. Indeed, during my time in St Petersburg, I visited this important forum many times. I would like to thank you for this opportunity today to convey my point of view to the expert community that gathers at this world-renowned platform thanks to the efforts of Mr. Schwab. >Leia Mais<

Principais desenvolvimentos de 1540 | Apenas notícias do mundo

[ad_1]

Provavelmente, o desenvolvimento mais histórico mundial de 1540 dC foi algo que aconteceu no norte do subcontinente indiano. Mas em outros lugares, muitas coisas interessantes estavam acontecendo também:

Extensão máxima do Império Sur (verde)

Em maio, um líder afegão ligou Sher Shah Suri varrido das terras altas e em uma batalha em Chausa, em Bengala, ele venceu os exércitos do imperador Mughal Humayun, estabelecendo o Império Sur em seu lugar. O Império Sur durou apenas até uma restauração Mughal em 1556 (e o próprio Sher Shah apenas cinco anos). English-WP nos diz o seguinte: “Um estrategista brilhante, Sher Shah provou ser um talentoso administrador muçulmano e também um general capaz. Sua reorganização do império lançou as bases para os posteriores imperadores Mughal, notavelmente Akbar, filho de Humayun. Durante seu governo de cinco anos de 1540 a 1545, ele estabeleceu uma nova administração econômica e militar, emitiu o primeiro Rúpia (rupia) e organizou o sistema postal do subcontinente indiano.[10] Algumas de suas estratégias e contribuições foram posteriormente idolatradas pelos imperadores Mughal, principalmente Akbar … Ele estendeu a Grand Trunk Road de Chittagong, nas fronteiras da província de Bengala, no nordeste da Índia, para Cabul no Afeganistão, no extremo noroeste do país. A influência de suas inovações e reformas estendeu-se muito além de seu breve reinado; seu arquiinimigo, Humayun, referiu-se a ele como ‘Ustad-I-Badshahan’, professor de reis. Nestes sete anos de seu reinado, ele nunca perdeu uma batalha. ” (O túmulo de Sher Shah Suri está na foto acima.) >Leia Mais<

Principais desenvolvimentos de 1529 | Apenas notícias do mundo

[ad_1]

Ao longo da primeira década deste projeto, tenho obtido uma imagem mais robusta das maneiras como a explosão do poder imperial / colonial “ocidental” no mundo fora da Europa foi ligada a desenvolvimentos dentro da própria Europa. O estudo de caso # 1 para isso foi, claro, a sincronicidade entre Ferdinand e Isabella reconquista da última cidade-estado liderada por muçulmanos na Península Ibérica – Granada – e seu envio de Colombo em sua viagem transoceânica para o oeste (na esperança de chegar à Índia) … >Leia Mais<

Principais desenvolvimentos de 1534 | Apenas notícias do mundo

[ad_1]

1534 EC foi um ano muito interessante e interessante no desenvolvimento do imperialismo de origem europeia. Role para baixo para uma rápida visita à história da impressão. Mas aqui estavam os principais eventos políticos globais do ano:

  • Em março, o rei João II de Portugal estabeleceu o primeiro sistema para organizar e promover o povoamento e controle permanentes no interior do brasil (então conhecido como “Terra de la Santa Cruz”.) Este projeto marcou uma ruptura com a política que Portugal vinha perseguindo c. 100 anos no amplo império comercial que havia construído ao redor do Oceano Índico e parecia muito mais com o colonialismo de colonos ativo que os espanhóis vinham perseguindo na América do Sul e Central nas últimas décadas. O novo sistema português foi denominado “Capitanias”. As 15 capitanias foram desenhadas principalmente como faixas de terra leste-oeste, indo para o oeste da costa do Atlântico até a Linha de Tordesilhas (onde o território espanhol começou). Cinco foram atribuídos a dois primos do ministro da Fazenda: o conquistador Martim Afonso de Sousa e o irmão. Os outros foram concedidos a uma mistura de conquistadores e burocratas da corte.
  • Em abril, o Explorador bretão / francês Jacques Cartier, que se casou com dinheiro, recebeu do rei francês a comissão de navegar até o norte do continente americano na busca contínua de uma “passagem noroeste” para o oceano Índico. Em vez disso, entre maio e julho, ele “descobriu” a Terra Nova, o Golfo de St. Lawrence, a Baía de Gaspé, a Ilha do Príncipe Edwards etc. Ele encontrou alguns nativos, provavelmente Mi’kmaq. English-WP nos diz “alguma negociação ocorreu”. Ele voltaria anos mais tarde!
  • Em dezembro, Parlamento da Reforma da Inglaterra aprovou o Ato de Supremacia estabelecendo Henrique VIII como chefe supremo da Igreja da Inglaterra. (Parece um pouco com o ato de secessão de Boris Johnson?)
  • Também em dezembro, conquistador Sebastián de Belalcázar liderou 200 colonos espanhóis na fundação da cidade de colonos que se tornou Quito, Equador.
  • Em algum ponto em 1534 dC, mês desconhecido, Solimão, o Magnífico, tendo voltado sua atenção da Europa Central para a Ásia Ocidental, capturou Bagdá dos safávidas.
  • Através França e Alemanha, as tensões religiosas continuaram a turvar. Houve revoltas de anabatistas (na Alemanha) e huguenotes (na França). Mas também houve a fundação da ordem jesuíta em Paris.
  • Dentro Ming China, as forças imperiais capturaram um pirata com mais de 50 navios sob seu comando. O imperador Jiajing também começou a se afastar de forma um tanto misteriosa das reuniões oficiais, embora seus ministros continuassem a dirigir o império mais ou menos como de costume. Ele parece um sujeito bastante desagradável. English-WP nos diz: “Sua busca pela vida eterna o levou a acreditar que um dos elixires para estender sua vida era forçar as donzelas virgens do palácio a coletar sangue menstrual para seu consumo. Essas tarefas árduas foram realizadas sem parar, mesmo quando as criadas do palácio adoeceram e qualquer participante relutante foi executado por capricho do imperador. ”
  • Tradução de Martinho Lutero para o alemão de toda a Bíblia (incluindo os apócrifos) foi impressa por Hans Lufft em Wittenberg. Tamanho da tiragem não fornecido.

Uma rápida olhada na história e na função da impressão

Certo, confesso que nunca li o influente livro de Jared Diamond, “Guns, Germs and Steel” de 1997, que buscava explicar o surgimento e a manutenção da dominação do mundo pelo Ocidente por meio do domínio dessas três cestas básicas de commodities. (EU acreditam sua referência a “germes” era mais uma referência aos ocidentais que desenvolveram imunidades a certos patógenos do que à suposição quase certamente válida de que os “exploradores” ocidentais ocasionalmente usavam ativamente meios de guerra biológica para exterminar ou enfraquecer a população sujeita.) De qualquer forma, eu gostaria de acrescentar três outras capacidades tecnológicas importantes à lista de capacidades críticas do império: construção naval, capacidade de navegação e tipo móvel. >Leia Mais<

Principais desenvolvimentos de 1531 (e notas sobre o império espanhol do início do século 16)

[ad_1]

A maioria dos desenvolvimentos que estou observando a partir de 1531 EC está relacionada ao império transatlântico da Espanha, que ainda cresce rapidamente – veja mais sobre isso abaixo. Na Europa durante este ano, várias coisas católico-protestantes estavam acontecendo, embora nada se destacasse. Mas os primeiros dois itens aqui dizem respeito a dois grandes impérios pré-ocidentais na África … >Leia Mais<

The US, China, Peak Oil & the COVID Reset

[ad_1]

If 2020 and the last 20 years wasn’t enough to wake you up, 2021 surely will because the tidal wave of insanity that has built up over the past two decades did not magically go away on December 31st 2020 and has not completely crested but appears ready to hit the bulk of humanity like a runaway freight train in 2021.

The occupants of this freight train have managed to convince the world that COVID-19 was a nasty virulent monster requiring draconian mask and lockdown measures to keep the public hiding in fear while shutting down our communities and destroying what was left of the economy that was not controlled by major corporate interests. >Leia Mais<

Principais desenvolvimentos de 1522 (e notas sobre o Império Português)

[ad_1]

Assim, em 1522 dC, nossa história do desenvolvimento do imperialismo ocidental continua a se concentrar em muitos dos mesmos atores que rastreamos nos últimos dois anos:

  • Em janeiro, e em nome da “Espanha” (mais precisamente, talvez, a união de Castela e Aragão inaugurada pelo casamento de Fernando e Isabel em 1469), o conquistador Gil González Dávila partiu da costa do Pacífico do Panamá para explorar parte do restante dessa costa. Ele explorou a Nicarágua e deu o nome de Costa Rica quando encontrou muito ouro nas praias.
  • De julho a dezembro, Solimão, o Magnífico estava sitiando a ilha de Rodes, reduto dos Cavaleiros de São João, uma ordem militar católica europeia que desempenhou um grande papel nas cruzadas. Finalmente, em 20 de dezembro, os Cavaleiros se renderam. Suleiman permitiu que eles evacuassem para Malta, onde se reagruparam por mais alguns séculos.
  • Em agosto, algo chamado de Revolta dos Cavaleiros estourou na Alemanha. Foi uma revolta contra o controle católico de alguns cavaleiros alemães de tendências protestantes ou mesmo humanistas. Durou apenas nove meses, mas pressagiou mais rebelião protestante por vir.
  • Em 6 de setembro, o Vitória, um dos navios sobreviventes de Fernão de MagalhãesA expedição do, regressou à Espanha, tornando-se no primeiro navio a circunavegar o mundo. (No post de 1521, descrevi Magalhães como a primeira pessoa a circunavegar o globo, o que talvez não seja estritamente verdadeiro – embora perto o suficiente? Ele navegou de Portugal pela África até a atual Malásia e voltou pelo mesmo caminho para Portugal. Alguns algum tempo depois ele partiu da Espanha para o oeste pela América do Sul e em um navio diferente, terminando nas atuais Filipinas, onde foi morto.)
  • Mais tarde, em setembro, Martin Luthera tradução do Novo Testamento da Bíblia do grego para o alemão, O Novo Testamento Deutzsch, foi publicado na Alemanha, vendendo milhares nas primeiras semanas. A hierarquia católica ainda estava claramente lutando para encontrar uma maneira de lidar com o desafio que suas atividades representavam.
  • Em algum ponto desconhecido em 1522, oficial do Ministério da Guerra chinês (dinastia Ming) He Ru foi o primeiro a adquirir a colubrina portuguesa, uma peça inovadora de armamento que foi o antecedente tanto do mosquete como de vários canhões navais de grande porte… enquanto cópias de colubrinas também eram feitas por dois chineses ocidentalizados em Pequim.

Algumas reflexões sobre começos, Portugal e fontes

Decidi lançar este projeto nos últimos dias de 2020, com o tema “500 anos atrás”. Foi por isso que comecei as postagens diárias aqui em 1520. Mas é claro, todas as histórias que venho acompanhando aqui têm antecedentes importantes. Os americanos americanos e outros ocidentais gostam de datar o início da era “global” ou moderna em 1492 dC, o ano do primeiro contato entre o marinheiro genovês Cristóvão Colombo e a costa e os povos do que mais tarde foi chamado de Américas. Colombo estava navegando em nome de Ferdinand e Isabella, que naquele mesmo ano conseguiram capturar Granada, a última das numerosas cidades-estado anteriormente governadas por muçulmanos na Península Ibérica. >Leia Mais<

The Reset of Canadian Society and the World

[ad_1]

Source: Alternative Views

The
Great Reset

[01] will not just be a global financial one, it will also be a reset of
society with a sharp curve in freedoms including freedom of movement and freedom
of speech where censorship will become the norm. Hell, it’s already here! A
second round of lockdowns are happening all over Europe, the commonwealth of
countries and North America just as I said would happen in an article I wrote
in August 2020 titled, “The COVID 2nd Wave Will Tear Our
Communities Apart”[02]
. All the OECD nations have continued their COVID
collective madness by going into full clamp down on their citizens, province by
province, state by state, nation by nation. The draconian laws they are imposing
on citizens are destroying the fabric of our societies and economies as small
business takes the full hit while the major corporations that are part of the
economic cartel all get a green light to continue operating.
>Leia Mais<

Edo: CSO identifica Etsako West como flashpoint

[ad_1]

Tribune Online
Edo: CSO identifica Etsako West como flashpoint

comerciantes

Um grupo de monitoramento e observador eleitoral credenciado, o Center for Transparency Advocacy (CTA), identificou Etsako West no distrito senatorial de Edo North como um provável ponto crítico na eleição de amanhã para governador no estado de Edo. Os resultados do Tribune Online revelaram que o ex-presidente nacional do Congresso de Todos os Progressistas, Adams Oshiomhole, e o vice-governador, Philip Shuaibu, são […] >Leia Mais<